Enjoo matinal

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Enjoo matinal apesar de ser um sintoma típico e esperado da gravidez, pode atrapalhar e ser bastante incômodo para a gravidinha.
Apesar do nome, o enjoo matinal pode ocorrer em qualquer hora do dia durante a gestação, sendo mais comum no primeiro trimestre.
Você sabe qual a causa desse sintoma?
Acredita-se que as mudanças hormonais do período sejam responsáveis e há medicos que acham que é bom sinal pois acreditam que a placenta está se formando corretamente.
Mas são bastante incômodos, não é mesmo?

Tenho me sentido enjoada durante boa parte do dia. Anota aí algumas dicas que me ajudam a melhorar o enjoo:

- Não ficar muito tempo sem comer:
A recomendação é comer de 3 em 3 horas. Não é sempre que consigo, mas procuro sempre comer alguma coisa para não deixar o estômago vazio pois piora a sensação de enjoo

- Beber água bem gelada:
Muita gente me falou para chupar gelo, mas não consegui. O que me ajuda é beber água bem gelada

- Afaste-se de odores fortes:
Grávidas ficam extremamente sensíveis a cheiros. Assim que o cheiro responsável pelo enjoo for identificado fique longe e evite consumir o alimento até o momento em que ele não incomodar mais.

Caso seu enjoo esteja muito severo converse com seu médico para que ele possa te receitar algo para aliviar esse incômodo.

No final tudo valerá a pena pois seu maior amor estará em seus braços ❤

Doces beijos,
Anne

Positivo!

segunda-feira, 26 de junho de 2017




No dia 8 de junho eu fiz o primeiro teste de gravidez. Com aquela esperança que só as tentantes sabem. Seria uma bênção muito grande se o Senhor me enviasse um positivo logo no primeiro ciclo de tentativa.
Meu marido me incentivou a fazer e fiz... eis que surgiu a primeira listra e logo em seguida uma tímida segunda listrinha. Ficamos bem confusos. Pesquisei muito na internet e segundo as pesquisas, uma listra mesmo que fraquinha era positivo. Me enchi de esperança. No dia seguinte a minha menstruação deveria vir, então resolvemos esperar... Eu não queria contar para o marido dessa forma. Então quando no outro dia a menstruação não desceu, menti e fui correndo fazer um beta hcg. Resultado? INCONCLUSIVO Meu Deus, que ansiedade!!! Pesquisei de novo e de novo e vi que o beta HCG inconclusivo aparece nestes casos em que não há quantidade suficiente para um positivo, maaaaas também não é uma quantia tão baixa que seja considerado negativo. Diante disso resolvi contar. Chorou e ficou ansioso como nunca tinha visto antes. Que felicidade!!! Agora não tinha mais o que fazer a não ser esperar. Já havia feito 3 testes de farmácia e os resultados positivos. O Beta hcg inconclusivo. O final de semana passamos decidindo como iríamos contar para a nossa família. Somos um casal muito ansioso rs. Na segunda-feira fiz outro beta hcg. Resultado?POSITIVO. E bem no nosso aniversário de casamento. Uma data que já era muito importante se tornou a data que descobrimos o nosso bebê. Que sensação maravilhosa. Na terça-feira tinha consulta com a Ginecologista de rotina. Mostramos o beta hcg e já sai de lá toda feliz com o pedido dos primeiros exames de pré natal em mãos. Estou com 6 semanas de gravidez. Nunca imaginei que sentiria essa emoção e esse amor tão grande por alguém que nem conheço ainda. Agora é curtir essa fase maravilhosa.

Em outros posts vou mostrar como contei pro marido e para a família.

Jantar especial: Arroz à piamontese

sexta-feira, 28 de abril de 2017




Oi pessoas ♡

Friozinho chegando e alguns pratos caem muito bem nessa época, não é mesmo?
Pra mim o arroz à piamontese se encaixa perfeitamente. E é um prato excelente para um jantar especial. 
Pensando nisso, vim mostrar a receita que faço em casa e que dá super certo. 

Vamos aos ingredientes:
Essa receita serve umas 6 pessoas
  • 2 dentes de alho
  • 2 xícaras de Arroz parbolizado
  • 5 copos de água
  • 1colher de sopa de margarina 
  • 2 Tabletes de caldo de galinha 
  • 300g de Mussarela
  • Champignon a gosto(Eu não coloco porque não gosto)
  • 2 Caixinhas de creme de leite

Modo de preparo:

-Refoge o alho com a margarina.
-Feito isso, jogue o arroz, o tablete de caldo e a água.Mexa até o dissolver o tablete.
-Quando a água estiver pela metade, pode abaixar o fogo e fechar a tampa.
-Fique de olho pois o arroz precisa ficar molhadinho. Por isso não deixe secar completamente. Caso seque, coloque um pouco mais de água
- Com o fogo baixo, coloque 300g de mussarela, cortadas em tiras, o creme de leite e por ultimo o champignon caso você goste.
O consumo precisa ser imediato.


Para acompanhar sempre faço carne ao molho madeira. Mas nada muito elaborado rs. Compro molho pronto no mercado, tempero o bife a gosto, frito e jogo o molho por cima.
Fica divino!

Se fizer o arroz me mostra. Basta usar a #receitasdocelardaanne
Doces beijos,
Anne

Resenha Linolin

domingo, 23 de abril de 2017



Olá pessoal ♡
A Nutriband me enviou 2 frascos do Linolin e gostaria de mostrar pra vocês os benefícios dessas cápsulas.
Lembrando que é muito importante consultar um nutricionista antes de tomar suplementos alimentares.

A fórmula avançada de Linolin possui 8 óleos funcionais em um único produto, obtidos por meio de um processo de extração e filtragem exclusivo, que garante a concentração ideal de seus princípios ativos, além de fornecer os ácidos graxos necessários para uma dieta balanceada, que o organismo não é capaz de produzir

Os óleos que contém na fórmula de Linolin:
– Óleo de Gergelin
– Óleo de Borragem
– Óleo de Cártamo
– Óleo de Girassol
– Óleo de Linhaça
– Óleo de Coco
– Óleo de Oliva
– Óleo de Semente de uva


Vamos entender a função de cada óleo:

● Óleo de Gergelim:
Fonte de ácidos graxos insaturados ômegas 3, 6 e 9. Possui efeito anti-inflamatório, o que auxilia a prevenir o aumento da circunferência abdominal.

● Óleo de Borragem:
Fonte de ômega 6 e GLA (ácido gama linoleico) que auxilia no controle hormonal, diminuindo sintomas de TPM e menopausa. Auxilia também a eliminar toxinas do organismo, reduzindo o inchaço.

● Óleo de Cártamo:
Está envolvido no metabolismo das gorduras por inibir a ação que obriga o organismo a utilizar a gordura acumulada como fonte de energia.

● Óleo de Girassol:
Rico em vitamina E. Auxilia na redução do LDL (mau colesterol) e previne o acumulo de gordura na região abdominal.

● Óleo de Linhaça:
Fonte de ômegas 3 e 6 na proporção ideal. Estudos atuais demonstram que seu consumo diário auxilia na inibição de fatores inflamatórios. É considerado também um alimento termogênico por potencializar a queima calórica.

● Óleo de Coco:
Acelera o metabolismo e modera o apetite.

● Óleo de Oliva:
Possui efeito anti-inflamatório, promove saciedade e contribui para a redução do LDL (mau colesterol).

● Óleo de Semente de Uva:
Rico em antioxidantes. Auxilia na prevenção de doenças cardiovasculares por melhorar a circulação sanguínea. Contribui também para a integridade da pele.

Incrível, né?!

Doces beijos,
Anne ❤